Para cantar no karaoke – ou no chuveiro!

Paula Abrahão - Pra cantar no Karaoke

Momento Ted Mosby do dia: você sabia que a palavra karaoke vem do japonês e significa “orquestra vazia”? *pausa dramática para você se surpreender com essa informação maravilhosa e esse significado profundo*

Amo música, e uma das minhas maiores frustrações nessa vida é não ser cantora-famosa/artista-de-teatro-musical, #truestory. Para a sorte dos residentes do planeta Terra, tudo o que me restou foi o chuveiro e um eventual karaoke entre amigos mesmo, preferencialmente em uma cabine particular porque eu morro de vergonha. Pode considerar este como seu dia de sorte! :D

Em Setembro o Rotaroots sugeriu que compartilhássemos nossa lista de músicas favoritas para essas ocasiões, então vamos lá. Faça o gargarejo, tome um gole de água, aperte o play e vem gritar comigo!

Bohemian Rhapsody [Queen] - Apenas a MELHOR música do universo pra juntar todos os amigos ao redor de microfones e cantar como se não houvesse amanhã. Ela é seguida por Somebody to Love, claro.

Total Eclipse of the Heart [Bonnie Tyler] – Essa obra prima, junto com Bohemian, foi e sempre será indispensável pra mim. Se não sou eu cantando, é alguma outra pessoa. O importante é estar lá, acompanhada de uma performance dramática, por favor.

SAKURA drops [Utada Hikaru] – Indispensável nos karaokes do bairro Liberdade, que costumam ter uma ótima seleção de músicas japonesas. Quase ninguém conhece, mas eu sempre cantava do mesmo jeito. :P~

Wannabe [Spice Girls] – Justificativas são completamente desnecessárias quando o assunto é Spice Girls. Próxima música!

Parte do seu Mundo [A Pequena Sereia] – Karaoke não é karaoke se não tiver pelo menos uma música Disney no repertório. Escolha sua favorita e seja maravilhosa/o cantando.

Rent [RENT] – Musicais, né! <3 Uma raridade que só encontrei em um karaoke de São Paulo, mas jamais esquecerei esse lindo dia.

Only Happy When it Rains [Gargabe] – Pra mostrar que seu coração não é feito só de Disney, Spice Girls e música cheesy dos anos 80. Tem que ter também uma dose de ruivice rebelde.

Gostou da minha seleção? Compartilha comigo também as suas músicas favoritas pra essa ocasião – é sempre bom aumentar nosso repertório. Aliás, ainda não fui ao karaoke aqui em Amsterdam… preciso ir! :D

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Para ler todas as blogagens coletivas do Rotaroots, clique aqui. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

[6 on 6] Architectuur

Projeto 6 on 6 - Agosto

Arquitetura é o tema de Setembro no Projeto 6 on 6 , e olha… foi um desafio fotografar. Amsterdam é incrível neste quesito, e cada ruazinha tem seu charme, mas como é difícil capturar a beleza da cidade do jeito que a gente quer. Nenhuma das fotos saiu exatamente como eu esperava, mas também não ficaram tãããão ruins! xD

Não vou entrar em detalhes arquitetônicos, afinal entendo absolutamente nada sobre o assunto, mas vou explicar um pouquinho dos porquês de ter escolhido cada foto, ok?

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

Para mim, as casas nos canais são o maior charme de toda Amsterdam, tive que me controlar para não colocar só fotos delas. Reparem nas fachadas com telhados de desenhos diferentes, as janelas imensas e, bom, como elas são tortas. Quase todas as casas são inclinadas para a frente de propósito, para evitar que a fachada seja danificada quando os móveis forem içados (mas aquela ali no canto direito está mega torta mesmo)…

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

… e os móveis são içados através desses ganchos no topo das casas! Os contornos nos telhados e os tijolinhos pretos também são bem tradicionais e vistos em vários lugares.

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

Localizado na Dam Square, o Palácio Real (Koninklijk Paleis) é um dos prédios mais famosos. Ele já foi a prefeitura da cidade e também a residência oficial da monarquia holandesa, mas atualmente é aberto ao público e utilizado apenas para celebrações oficiais, como abdicação e posse dos monarcas, festas de ano novo, casamentos e visitas de Estado. A praça Dam está sempre lotada, fica tão difícil tirar uma foto sem dezenas de pessoas aparecendo que preferi focar só na minha parte favorita dele.

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

Munttoren vista do rio Amstel. Amsterdam já teve um muro envolvendo o centro da cidade, protegendo-a de ataques externos. Eventualmente o muro foi derrubado, mas seus três portões foram conservados. A “Torre da Moeda” ficava junto ao portão sul, e recebeu esse nome pois foi onde Amsterdam começou a cunhar suas próprias moedas durante o “Rampjaar” (ano do desastre, 1672), já que era inseguro demais transportar ouro e prata pelo país em 1672. Clica aqui pra saber mais.

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

Lá em Amsterdam-Noord fica o EYE Film Institute, um complexo que inclui museu cinematográfico, salas de cinema, restaurante, loja, e um dos melhores exemplos da arquitetura moderna na cidade. Adoro os padrões estampados ao longo de todo o prédio. Também tirei foto só de uma parte, mas clica aqui para vê-lo inteiro.

Paula Abrahão | BLOG - Projeto 6 on 6: Architetuur

Het Concertgebouw é uma melhores salas de concerto do mundo, e sua arquitetura impressiona tanto do lado de fora quanto de dentro. Só tive o prazer de ir duas vezes durante o especial Robeco SummerNights, mas ambas foram épicas: uma foi para assistir The Lord of the Rings – Fellowship of the Ring acompanhado por uma orquestra e coral ao vivo, e outra foi para um “Movies in Concert”. Todas as quartas-feiras eles abrem as portas gratuitamente durante o almoço, por trinta minutos, para o público acompanhar ensaios da Orquestra Real.

Aproveite para ver também as fotos das outras meninas participando do projeto e conhecer um pouco mais da arquitetura da Irlanda, Inglaterra, França e Portugal. :}

Taís // Lolla // Nicole // Rita

Links da Semana #8 – e um agradecimento!

Paula Abrahão | BLOG - Obrigada, Blog Day 2014!

Que loucura foi esse fim de semana! Acordei no domingo na companhia da minha primeira gripe desse ano, que me proporcionou uma deliciosa garganta dolorida, um nariz congestionado e uma sinusite marota, que fez questão de vir acompanhando e dando aquele apoio moral bacana, sabe?

Fiquei presa em casa tomando chá e confiando no poder do paracetamol, enquanto editava as imagens para o post do Blog Day. Foi aí que a loucura toda começou: dezenas de janelas abertas no navegador, com um monte de blogs novos e interessantes para ler (e eu nem cheguei na metade ainda!). E para a minha completa surpresa, vi meu nome sendo indicado em diversos desses blogs – e muitos deles que eu nem de longe esperava.

Queria deixar registrado aqui o meu muito obrigada a todos vocês que têm me acompanhado e se interessam pelas pequenas coisas que eu gosto de compartilhar – mesmo os leitores fantasmas que nunca comentam (eu sei que vocês estão aí em algum lugar! hahah).

Sernaiotto • Babee • Pequenina Vanilla • Frescurinha • Creyssa Phyna• Pink Woo • Nyr Dagur • Rani Trecha • Teoria Criativa • My Other Bag is Chanel • Coisas de Alexia • Borboletando • Indiretas do Bem • Twolia • Colorida Vida • Mulher Vitrola • Sweet Pearl • Dos Dias Corridos • Tchoimoi • Garota Ácida • Hipérbole Particular • Starships and Queens • Quarto de Serviço • Caos Criativo

Além desses blogs lindos aí em cima, separei mais quatro posts interessantes que li esses últimos dias para compartilhar com vocês, espero que gostem! ;)

Paula Abrahão - Links da Semana #8

Quanto dar de gorjeta? [Chicken Or Pasta] – Esse infográfico explica de um jeito mega simples como dar gorjetas ao redor do mundo. Pra evitar dores de cabeça nas próximas viagens.

Storing beauty products: 3 level system [INTO MIND] – Nunca estou 100% satisfeita com a organização das minhas (poucas) maquiagens e produtos de beleza, então adoro me inspirar nas arrumações de outras pessoas. Nesse post, o INTO MIND sugere o sistema de 3 níveis de organização para facilitar o cotidiano. Já pratico algo parecido, mas ainda preciso aperfeiçoar.

25 coisas que aprendi aos 25 [Sernaiotto] – Rolou uma identificação forte com vários dos itens que a Lominha citou entre seus aprendizados, uma ótima reflexão sobre amores, expectativas, frustrações e a vida no geral. Vai conferir que vale a pena.

Suspiro com doce de leite e pêssegos em calda [Gastrolandia] – Indecência. E daquelas que parecem bem fáceis de preparar (e ainda mais fáceis de comer). Tenho duas claras de ovos congeladas e estava pensando em fazer um merengue, mas acho que vou apelar pra esse suspiro lindo. Vamos tentar?

Posts meus linkados em outros blogs

» A Gabi linda compartilhou no Teoria Criativa o post com o compilado de Blogs de Expatriados pelo Mundo.

» O Paulo, do MonsterBox (olha esse layout com Wicked, gente! <3), listou meu singelo bloguinho no seu post “Conheça os 20 Melhores Novos Blogs da Internet“. Esse coração não aguenta tanto amor!

Sons da Escandinávia

Sons Da Escandinávia

Os países nórdicos não são feitos só de paisagens extraordinárias, Björk, Abba, Sigur Rós e extreme black metal. A região tem uma cena pop e eletrônica riquíssima, e recentemente descobri alguns artistas bem interessantes que não consigo mais parar de ouvir.  Tudo graças ao lindo do last.fm, que sempre tem uma indicação musical pertinente na manga. ♡

Selecionei cinco dos meus favoritos, mas no fim do post tem mais indicações para quem curtir synthpop/pop/eletrônica e quiser se aventurar pelos sons das terras geladas do norte.

MØ – Dinamarca

Paula Abrahao - Mø
Karen Marie “Mø” Ørsted já chamou minha atenção quando apareceu a caixinha de indicação do last.fm com esse nome esquisito, e nos primeiros dez segundos de “Don’t Wanna Dance” ela já tinha me conquistado. Baixei o álbum Mythologies to Follow na hora, e começou então uma linda relação monogâmica que durou dois meses (meu last.fm não mente: foram 300 plays nesse período). Em Novembro ela vem para Amsterdam, já comprei o ingresso e a ansiedade não cabe mais dentro de mim! Para ouvir: Slow Love, Mythologies to Follow, Dummy Head, Walk this Way.

Röyksopp – Noruega

Paula Abrahao - Röyksopp
Ouvi a música “What Else Is There” pela primeira vez em 2009, através de um post no blog de uma amiga muito querida, e me apaixonei. É um duo de música eletrônica que tem uma seleção impecável de cantores para cada álbum: Karin Dreijer (aka. Fever Ray), Robyn e Lykke Li são alguns exemplos famosos. Para ouvir: The Girl and the Robot, Happy Up Here, Do It Again. Na foto aí em cima eles estão com a Robyn, com quem eles sempre fazem ótimas parcerias.

Asbjørn – Dinamarca

Paula Abrahao - Asbjørn
Descobri o moço essa semana e já fiquei meio obcecada. Voz suave e gostosa, pra ficar o dia inteiro escutando (que foi justamente o que fiz esse fim de semana, inclusive) e dar uma dançadinha hipster no meio da sala. Para ouvir: The Criminal, The Love You Have in You (este clipe é óh <3), Strange Ears.

iamamiwhoami – Suécia

Paula Abrahao - iamamiwhoami
É um projeto musical e visual da sueca Jonna Lee, outra indicação linda que o last.fm me proporcionou. Música eletrônica ambient, aquela bem sossegada que faz a mente relaxar e viajar – é o efeito pra mim, pelo menos! hahah. Os vídeos do projeto são bem lindos, e a Jonna tem uma beleza muito peculiar, olho para ela e lembro de florestas e inverno (vai entender???).

GusGus – Islandia

SonsNordicos-GusGus
Em algum momento da minha vida apareceu o tumblr Icelandic Bands That Are Not Sigur Rós, e lá estava GusGus. O primeiro álbum que ouvi foi Arabian Horse, e lembro que me acompanhou em algumas (muitas) tardes de trabalho produzindo conteúdo. A banda tem quase 20 anos e acabou de lançar seu terceiro álbum completo, Mexico.

Fever Ray – Suécia

Paula Abrahao - Fever Ray
Menção honrosa, afinal a música “If I had a Heart” é nada mais nada menos do que a abertura do seriado Vikings, do History Channel (já assistiu?). Não consigo nem explicar o quão maravilhoso é esse projeto… as músicas evocam uma atmosfera sombria que me agrada muito. Para ouvir: Triangle Walks, Coconut.

Quer mais? Tem Robyn, Lykke Li, Ashbury Heights, Icona Pop (você certamente já ouviu essa música aqui), Elliphant e Peter Bjorn & John (sabe o tema de 2 Broke Girls e a música cheia de assobios?). Nesses dois links você encontra uma lista com outros nomes para conhecer.

Adoro descobrir novos artistas, então estou sempre aberta a novas indicações musicais. Depois me conta se você já conhecia alguma dessas bandas/artistas e se gostou! ;)

** Geograficamente falando, a Islândia não faz parte da região conhecida como Escandinávia, mas é considerada culturalmente.

Blog Day 2014: indicações da blogosfera

Paula Abrahão - Blog Day 2014

Há alguns anos, um grupo de blogueiros estrangeiros instituiu o dia 31 de agosto como o Dia Internacional do Blog, conhecido como Blog Day. Nesta data, eles divulgavam um post com várias indicações de outros blogs que gostavam, para que seus leitores expandissem seus feeds e conhecessem conteúdos novos.

O site original não existe mais, porém esse ano o Rotaroots trouxe a tradição de volta e criou um site especial, sugerindo uma blogagem coletiva para relembrar esse hábito da era de ouro dos blogs – e eu adorei a ideia e fiz questão de participar. As indicações estão divididas em três categorias com cinco blogs em cada + uma categoria extra, de menções honrosas, totalizando 20 pessoas diferentes.

Foi super difícil fazer essa seleção. Tem vários blogs que leio constantemente e adoraria indicar também, mas não vai faltar oportunidade para isso, tenho certeza – e vocês também podem conferir no blogroll mais blogs que costumo acompanhar. Espero que vocês gostem e descubram coisas novas! ;)

Blog Day 2014 - Não saem do meu feed
5 blogs que não saem do meu feedBabee | Sernaiotto | Mulher Vitrola | Nyr Dagur | Teoria Criativa

Alguns dias eu sento na frente do computador e penso “hoje vou ler meus blogs favoritos”. Em dias assim, são essas cinco lindas que eu visito já de cara, sem nem pensar. Algumas eu já acompanho há alguns anos, e em todo esse tempo elas nunca deixaram de prender minha atenção.

Blog Day 2014 - Conheci no Rotaroots
5 blogs que conheci no RotarootsCerise n’ Pepper | MonsterBox | Pequenina Vanilla | Pode Chamar de Duds | Rani Trecha

Além de sempre sugerir memes e blogagens coletivas divertidas, o Rotaroots também me fez conhecer muita gente nova. Entre todos os blogueiros do projeto que já visitei, esses são os que mais me encantaram e que tenho voltado com frequência aos blogs para ver as postagens novas.

Blog Day 2014 - Para Sair da Rotina
5 blogs para sair da rotina: Keiko Lynn | Lady and Pups | Essie Button | Jana RosaAmo Lindezas

A Keiko tem um blog lindo e super inspirador sobre moda retrô e maquiagem, com fotos incríveis. O Lady and Pups é um blog de culinária que eu sinceramente acho que deveria ser banido da internet, de tão perfeito que é – tenho que acessar como se estivesse indo ao mercado: sem fome e preparada psicologicamente para não desejar tudo que eu vejo lá. A Estée posta sobre beleza e faz vídeos ótimos sobre o assunto, com produtos acessíveis. A Jana tem um estilo de escrita e umas histórias que eu adoro. Já a Carô faz o Amo Lindezas, um blog sobre festas que está recheado de coisas incríveis.

Blog Day 2014 - Menções Honrosas
The SupernovaBorboletando | Mamsterdam | Mais Magenta | Hello Lolla | Adrika

Não poderia encerrar sem essas cinco seis mulheres que também estão sempre no meu feed e que visito com frequência, donas de blogs com ótimo conteúdo e que merecem ser visitados. Destaque especial para a Lya, cujo blog tem meu layout favorito em todo universo, escreve de um jeito único e tem um olhar ímpar para bonitezas.

Agradecimentos

Preciso agradecer imensamente aos lindos e lindas que me indicaram no Blog Day: Sernaiotto, Babee, Pequenina Vanilla, Frescurinha, Creyssa PhynaPink Woo, Nyr DagurRani Trecha, Teoria CriativaMy Other Bag is Chanel, Coisas de Alexia, Borboletando Indiretas do Bem. Fiquei muuuuuito muito honrada em estar nas listas de vocês, especialmente em ver tanta gente legal e que admiro indicando meu pequeno blog! Ah, o MonsterBox não fez a blogagem coletiva, mas semana passada fez um apanhado de blogs que tem acompanhado e meu linkzinho estava lá. Obrigada obrigada obrigada, gente! 

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Para ler todas as blogagens coletivas do Rotaroots, clique aqui. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

Arte de rua na Spuistraat

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

»» If you’re an English reader, scroll down or click here.

Entre famosos pontos turísticos e prédios históricos, um trechinho da rua Spuistraat chama a atenção pelos seus imensos painéis de graffitis decorando as paredes das okupas mais antigas de Amsterdam.

Já tinha passado pela rua várias vezes, mas nunca tinha nem chegado perto dessa área – em compensação, desde que descobri já voltei algumas vezes para fotografar. São tantos detalhes, cores, adesivos e bloquinhos pra ver que só uma visita não é suficiente pra absorver tudo.

Boa parte dos residentes das okupas nessa região da Spuistraat são artistas e ativistas, e a ocupação de prédios abandonados é um assunto recorrente na cidade desde 1980. Esse artigo explica um pouquinho sobre isso, e nesse site dá para encontrar informações sobre dois dos artistas que estampam essas paredes: Hero de Janeiro e Bunny Brigade (amei esse nome <3). Vem conhecer um pouquinho da Spuistraat comigo. :)

Between historic buildings and landmarks, Spuistraat holds some street art gems for the persistent wanderers. The street is quite long, and the amazing graffiti panels are found only along one or two blocks, so you need to know what you’re looking for in order to get there.

The street is famous not only for its colourful art, but also for some of the oldest squattings in Amsterdam – the residents, mostly artists and activists, have been fighting for the right to occupy abandoned buildings since 1980. It’s a place so full of life and information that I recommend at least one long visit – but if you’re fond of street art,  you will probably want to come back a few more times to admire the colours and take pictures

You can find a bit more info about the street here, and you should also check out two of the artists behind those panels: Hero de Janeiro and Bunny Brigade. Come take a peek at Spuistraat with me, I hope you like it. :)

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam

Paula Abrahão - Spuistraat, Amsterdam