Posts sobre Diariamente

Sai um, vem outro

E quase nada mudou desde então – embora, ao mesmo tempo, tudo esteja completamente diferente. Outro lockdown [é o segundou ou terceiro? não sei mais diferenciar], restrições ainda mais severas do que um ano atrás, vacinações atrasadas, e a bactéria fdp chegando perto até demais pra termos paz no coração. Não tenho o costume de […]

Leia mais

Uma balzaca tatuada

Acabei não registrando aqui (nessas atualizações ~tão constantes~ que fiz nos últimos dois anos, né! haha), mas 2019 foi meu ano de começar a fazer tatuagens. A vontade já vinha desde a adolescência, mas não tinha dinheiro pra investir e também não tinha me identificado com o estilo de algum artista (além, claro, da fadiga […]

Leia mais

Que dia é hoje mesmo?

Pergunto, sentada à frente do computador com meus fones de ouvido, desesperadamente tentando afogar os gritos dos meus gatos trancados dentro do escritório comigo – coisas de reforma na casa, um prazer imenso toda vez.

Hoje já passamos por Nina Simone, Erykah Badu, Bill Evans, Alabama Shakes e agora paramos em Phoebe Bridgers; tudo na tentativa de acalmar os nervos agitados pelos gritos agudos e incessantes de três tigres tristes comendo trigo. Até agora, está funcionando. Mas os fones com cancelamento de ruído ajudam.

Leia mais

Um oi do isolamento social

Paula Abrahao - Isolation Creation 01

Claro que a criatura decidiria voltar a postar no meio de uma pandemia, não é mesmo? Mas depois de cinquenta dias trancada em casa, era só o que estava faltando fazer mesmo – mentira, ainda não sucumbi à tendência do pão caseiro de fermentação natural nem à reforma da quarentena. Foco no ainda.

Leia mais

Uma tarde com Satellite June

Entre meus experimentos pessoais neste último ano, tenho procurado me abrir mais à fotografia e tentado perder meu medo de falhar miseravelmente em algo que admiro tanto. Com isso em mente – e um convite da Alê (que, por sinal, tem sido minha ride or die desde que se mudou pra Amsterdam, então ela vai […]

Leia mais

Post Traumatic

Margaridas

Como voltar de um hiato tão grande? Finjo que nada aconteceu, que nove meses não se passaram e que tudo continua igual? Não tenho a resposta, mas, temporariamente, senti vontade de voltar e cá estamos nós – se é que alguém ainda está aí do outro lado da tela. Na última vez que dei as caras por aqui, estava no início do meu processo de luto pelo Jamie.

Leia mais

Pare. Respire. Recomece.

Pare. Respire. Recomece.

Quando o cotidiano entra no modo automático e perdemos o foco. Quando a atmosfera ao nosso redor torna-se rarefeita. Quando o coração se estilhaça em incontáveis pedaços. Quando a vida parece um navio de toneladas que precisamos rebocar. Pare. Respire. Recomece. Vai ficar tudo bem.

Leia mais

[6 on 6] Juli

Retorna a eterna sumida, após meses, para mais uma edição do Projeto 6 on 6. Acho que já deu para perceber que tem sido ínfima a minha vontade de publicar qualquer conteúdo pessoal online, né? No último ano, frequentemente me encontro na indecisão entre querer compartilhar experiências e um sentimento profundo de resguardo. Contudo, estou […]

Leia mais