Tchau, ruivice!

Percebi que minhas mudanças capilares mais marcantes acompanharam momentos intensos da minha vida nos últimos anos. Em 2004 tentei ficar ruiva pela primeira vez, mas só consegui deixar o cabelo levemente avermelhado; entre 2007 e 2009 tive cabelo bicolor com metadinha vermelha, e em 2010 cheguei na desejada ruivice, que me acompanhou por três anos deliciosos – cheios de suas surpresas significativas também.

Prestes a mudar de país, não poderia ser diferente (mais sobre a mudança em breve!). Dei adeus aos queridos fios acobreados e entreguei mais uma vez o cabelinho nas mãos do Digão/Rodrigo Castellari para o procedimento mais radical de todos: saí do ruivo para o azul!

Foram longas 5h30 no salão para fazer tudo bonitinho, do jeito que deve ser. Eu tinha duas exigências: queria um azul mais fechado e raíz escura difusa, para não ter problemas com retoque. Descarregamos a cor até atingir um loiro amarelado (tarra maravilosaur #sqn), hidratamos, tingimos a raiz de um jeito que não ficasse aquela linha reta estranha, e depois aplicamos um azul lindão da Special Effects.

Eu poderia dizer que ficou exatamente do jeito que eu imaginei, mas sinceramente ficou bem melhor! O degradê entre preto e azul é suave e a cor ficou incrível, estou amando a mudança. Meu cabelo aguentou bem a descoloração e os danos desse processo foram mínimos, nada que cuidados básicos caseiros não resolvam. Foi um processo longo, mas valeu pela espera.

Alguns dias depois voltei lá pra retocar a franja e o Digão teve a brilhante idea de pintá-la de turquesa… ficou tão incrível que já decidi que esta será minha próxima cor. :D

DarkDiva - Cabelo Azul

DarkDiva - Cabelo Azul DarkDiva - Cabelo Azul

Para acompanhar a progressão da tintura conforme desbota, me segue no Instagram. ;)